No Amazonas, Ação da Fundação de Medicina Tropical realiza 250 testes rápidos para sífilis

Saúde

Em atividade alusiva ao Dia de Combate à Sífilis, a Fundação de Medicina Tropical Dr. Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD) realizou 250 testes rápidos para a doença nesta terça-feira (22). 

Do total de testes, 29 deram positivo. Os pacientes foram encaminhados para o tratamento da doença. Dos testes positivos, 65,5% foram em pessoas do sexo masculino. Jovens com idade entre 19 e 25 anos representaram 31% dos resultados positivos.  

 “É muito importante fazer esses testes, temos que cuidar da saúde, ver se tá tudo bem”, disse a vendedora Maria do Carmo Viana, 43, que fez o teste pela primeira vez. O resultado do teste rápido fica pronto 15 minutos após a coleta de sangue. 

 O Dia de Combate à Sífilis foi organizado pela gerência de ISTs, Aids e Hepatites Virais da FMT-HVD, das 9h às 15h, no auditório do Ambulatório de Dermatologia da Fundação.

A sífilis é uma Infecção Sexualmente Transmissível (IST) curável, causada pela bactéria Treponema pallidum. Pode apresentar várias manifestações clínicas e diferentes estágios (sífilis primária, secundária, latente e terciária). 

Nos estágios primário e secundário da infecção, a possibilidade de transmissão é maior. A sífilis pode ser transmitida por relação sexual sem camisinha com uma pessoa infectada ou para a criança durante a gestação ou parto. 

Como prevenir – O uso correto e regular da camisinha feminina e/ou masculina é a medida mais importante de prevenção da Sífilis, por se tratar de uma Infecção Sexualmente Transmissível. 

O acompanhamento das gestantes e parcerias sexuais durante o pré-natal de qualidade contribui para o controle da sífilis congênita. 

A sífilis tem cura e o tratamento é disponibilizado gratuitamente em toda a rede de atenção básica e o Estado oferece os Centros de Testagem (CTAs) para o diagnóstico.

 

 

Fonte: ASCOM/FMT-AM

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *