Conheça medidas que o cidadão pode seguir para evitar roubos e furtos de veículos

Cidade

Rastreadores via satélite, microcâmeras, alarmes. O mercado está repleto de itens que ajudam o cidadão a proteger seus veículos de roubos e furtos. Mas, além da tecnologia, também é possível se preservar com medidas simples e sem custo. Abastecer em horários de grande movimento, não se distrair em semáforos e observar se há estranhos na vizinhança são algumas condutas que diminuem as chances de se tornar uma vítima, segundo a Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (DERFV), da Polícia Civil.


Até setembro, Manaus registrou queda nos roubos (-29%) e furtos (-14,8%) de veículos, conforme dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM). No mesmo período, a DERFV prendeu 181 pessoas pelo crime, ultrapassando o número de prisões de todo o ano passado, quando 119 pessoas foram presas. Apesar do êxito do trabalho policial em reduzir ocorrências, o cidadão precisa se precaver, aconselha o responsável pela DERFV, delegado Cícero Túlio.

O delegado elenca algumas condutas que podem fazer a diferença. “O motorista precisa estar certo de que a garagem está segura antes dele entrar, sem a presença de estranhos no entorno da casa. Outra coisa é evitar abastecer veículos à noite ou mexer no celular enquanto estiver parado”.

Atenção ao frequentar estacionamentos públicos e estabelecimentos comerciais é importante. “Também se deve evitar estabelecimentos comerciais, como farmácias em vias sem movimento, e ter a maior atenção em estacionamentos de supermercados, observando se há pessoas suspeitas”, acrescentou o delegado.

Caso o cidadão tenha o veículo subtraído, ele deve acionar imediatamente o 190 e registrar o caso na DERFV, para que o automóvel entre na lista de restritos e passe a ser procurado pelas equipes da Polícia Militar que estão nas ruas.

“O cidadão deve, inicialmente e de imediato, ligar para o 190, para que a Polícia Militar seja acionada e essa informação do roubo seja repassada para viaturas locais. Isso vai facilitar a abordagem policial, e aumentar as chances de recuperar o bem. Depois de ligar, a vítima tem de se dirigir a DERFV para registrar a ocorrência”, orientou.

Quem tem o veículo levado por criminosos, muitas vezes, acaba divulgando telefones particulares em redes sociais e, em alguns casos, oferecendo até recompensa. Essa é uma atitude de risco, ressalta o delegado. “Não é recomendável oferecer recompensa em redes sociais, pois tal atitude fomenta a aplicação de golpe”.

Sempre que visualizar alguém em atitude suspeita, a conduta mais adequada é chamar a polícia, por meio do 190. A DERFV está situada na rua Seis, bairro Planalto, zona centro-oeste da capital. A unidade atende pelo número (92) 3216-7310.

Foto: Divulgação/SSP-AM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *