AM-Seap anuncia a criação de um horto dentro do sistema prisional

AM-Seap anuncia a criação de um horto dentro do sistema prisional

Cidade

O secretário de Estado de Administração Penitenciária (Seap), coronel Vinícius Almeida, anunciou, nesta terça-feira (22), a criação de um horto no sistema prisional. A novidade foi revelada durante a cerimônia de entrega de certificados do Curso de Jardinagem no Centro de Detenção Provisório Feminino (CDPF), localizado no Km 08 da BR-174 (Manaus-Boa Vista).

A criação do horto vem como um desafio para assistir às próprias unidades. “Vamos, a partir desses cursos de jardinagens, construir um horto dentro do sistema prisional que vai abastecer todas as unidades com as mudas necessárias aos jardins e às hortas”, anunciou o secretário.

O projeto ainda trará oportunidade de trabalho remunerado para as detentas, permitindo um salário a cada uma, dividido em quatro partes. “No terceiro lote de licitação que ainda está em andamento, nós teremos mais de 60 vagas de trabalho remunerado disponíveis. E aquelas que trabalharem no horto, serão inseridas nessas vagas. Gerando um segundo benefício, além da remição de pena”, afirmou Almeida.

Durante a cerimônia, 14 reeducandas do CDPF receberam o certificado com carga horária de 60h.  O curso teve duração de dez dias. Segundo o instrutor do curso, Gerson Leal, o aprendizado foi adaptado à realidade do espaço e da situação das internas, com material didático para o acompanhamento. As internas aprenderam sobre o preparo do solo, reprodução por semeio, estaquia, indução de enraizamento, harmonização das plantas, confecção de vasos, entre outros.

A interna Alice* (nome fictício) manifestou gratidão e contentamento pelo novo aprendizado. “Em nome de todas as meninas eu quero agradecer ao secretário, ao professor e a toda a equipe da unidade a oportunidade que nos deram. Hoje sabemos o valor de uma semeação, do quanto podemos ganhar de forma honesta com um vaso de flores bem trabalhado, e isso nos traz outra visão da vida”.

Na cerimônia ainda estiveram presentes a secretária executiva de políticas para as mulheres da Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc/Am), Ana Gabrielle Barrocas, e a gerente da nova rede de mulheres, Karolina Aguiar.

 

Fonte: ASCOM/SEAP-AM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *