Chico Preto dispara: “Estou sofrendo a maior sacanagem da eleição"

Chico Preto dispara: “Estou sofrendo a maior sacanagem da eleição”

Destaque

O candidato a prefeito de Manaus, Chico Preto (Democracia Cristã, usou as redes sociais nesta sexta-feira (16) para fazer duras críticas a decisão do promotor Francisco Campos, da 1ª Zona Eleitoral do Ministério Público Eleitoral, que há duas semanas pediu o indeferimento de sua candidatura. De acordo com ele, o promotor deu um parecer sem ler os documentos anexados ao pedido.

“Estou sofrendo a maior sacanagem dessas eleições. As certidões e todos os documentos que pedem no registro de candidatura foram entregues para a Justiça Eleitoral. O promotor foi descuidado e não analisou os documentos que estavam anexados e pediu a impugnação da minha candidatura”, afirmou.

Segundo Chico Preto, a decisão do promotor gerou a notícia de que ele não é candidato.

“Eu não apareço no programa eleitoral e além disso vem essa notícia. Isso tem me atrapalhado sobremodo. Tenho que estar reafirmando às pessoas que sou sim candidato a prefeito de Manaus”, disse.

Entenda o caso

No início do mês de outubro, o promotor Francisco Campos, na 1a Zona Eleitoral, indeferiu o pedido de registro de candidatura de Chico Preto alegando que ele foi condenado pela Justiça Eleitoral por conduta vedada em 2017.

No último dia 13 de outubro, no entanto, o próprio promotor declarou em seu parecer que uma falha na informação dos documentos junto à Justiça Eleitoral.

Fonte: ASCOM/CHICO PRETO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *